Ferry Agaete a Santa Cruz de Tenerife

A rota de ferry Agaete Santa Cruz de Tenerife conecta
Gran Canária com Tenerife. Atualmente há apenas 1 companhia de ferry operando esse serviço, Fred Olsen Express. A travessia opera até 56 vezes cada semana com duração de travessia de cerca de 1 hora 20 minutos.
As durações das travessias Agaete Santa Cruz de Tenerife variam com frequencia de temporada a temporada, assim, nós aconselhamos que você faça uma verificação em tempo real para obter a informação mais atualizada.

Operadoras de Ferry Agaete - Santa Cruz de Tenerife

  • Fred Olsen Express
    • 8 Travessias Diariamente 1 hr 20 min
    • Obter preço

Média de Preços Agaete Santa Cruz de Tenerife

Os preços apresentados representam o preço médio só de ida pago pelos nossos clientes. A reserva mais comum na rota Agaete Santa Cruz de Tenerife é um carro e 2 passageiros.

Guia Agaete

Agaete é uma região da província de Las Palmas, nas Ilhas Canárias na Espanha. Está no noroeste da ilha de Gran Canária, com o oceano Atlântico a oeste, Gáldar ao nordeste e Artenara ao sul. Agaete costumava ser o lugar preferido para ver o El Dedo de Dios, um momumento natural na costa, antes que ele fosse destruído durante a tempestade tropical Delta em novembro de 2005. A praia mais visitada é a Playa de Las Nieves, localizada entre a marina e o velho porto. É sobretudo uma praia de pedras com águas calmas e uma orla com restaurants e pequenas lojas.
O Puerto de las Nieves, também conhecido como Puerto Agate que é a cidade a cerca de 2,5km, já foi um pequeno porto de pescadores, que foi extendido para aumentar a altura do quebra-mar e fornecer uma grande rampa Ro-Ro para os ferries de grande velocidade de Tenerife.

Guia Santa Cruz de Tenerife

Santa Cruz de Tenerife é uma bela cidade portuária situada na ilha de Tenerife, a maior das ilhas ocidentais do arquipélago das Ilhas Canárias. Em torno do seu porto importante estão amplas avenidas, praças e áreas verdes exóticas, que também inclui alguns belos exemplos da arquitetura modernista. A história da cidade remonta a pouco mais de 400 anos. Apesar de Alonso Fernández de Lugo ter desembarcado no litoral em 1494, a cidade não começou a se desenvolver até um século mais tarde, com o seu porto como motor de crescimento que tornou a cidade a segunda mais populosa do arquipélago das Canárias. No centro da cidade, perto do mar, estão várias das mais movimentadas ruas e praças da capital, como a Plaza de la Candelaria. Localizado no site da antiga fortaleza de San Cristóbal, seu centro é presidido pelo monumento ao triunfo da Candelaria, uma escultura de estilo neoclássico em mármore de Carrara e atribuído ao italiano Pasquale Bocciardo.

A partir do porto da cidade existem serviços de ferry que partem para a Espanha continental e para as outras Ilhas Canárias.