Filicudi - Alicudi é uma de nossas rotas mais procuradas - as travessias se esgotam frequentemente durante os períodos de maior movimento.
Dica:Não deixe para depois! Reserve agora para assegurar seu horário de saída

Por que usar
Direct Ferries?

Ferries de 3325 rotas e 764 portos no mundo todo

Mais de 2,5 de clientes confiam em nós

Nós organizamos mais de 1,2 milhões de travessias por ano

Nós verificamos até 1 milhões preços para nossos clientes todos os dias

Operadoras de Ferry Filicudi - Alicudi

    • 3 Travessias Diariamente 25 min
    • Obter preço

Guia Filicudi

Filicudi é uma das oito ilhas que compõem o arquipélago das Eólias e está localizada a 30-50 km ao nordeste da ilha da Sicília. Existem alguns pequenos povoados na ilha, incluindo Valdichiesa e Pecorini Mare. A ilha é conhecida pelo seu vinho, azeite, grãos e legumes. Na década de 1990 cerca de três quartos da ilha foram declaradas reserva natural. O ponto mais alto da ilha é o Monte Fossa Felci que está a 774 m acima do nível do mar.

A ilha é popular entre os mergulhadores, e muitos vêm para explorar suas várias cavernas submarinas. O "Grotta del Bue Marino" não está longe do "Scaglia della Canna" e é especialmente popular entre os mergulhadores interessados em fotografia subaquática. Você vai precisar de um barco, que pode ser alugado no porto principal, para viajar para a caverna. O "Grotta dei Gamberi" é habitada por uma quantidade considerável de pequenos lagostins, esponjas, polvos, moréias, peixes e garoupas.

Ferries de Filicudi podem ser tomados para Milazzo e Palermo.


Guia Alicudi

Alicudi é uma das sete ilhas habitadas do arquipélago das ilhas Eólias que se encontram ao largo da costa da Sicília e da Itália continental. Alicudi é a ilha mais remota do arquipélago e tem a menor população de todas as ilhas, com a sua paz quebrada apenas pela chegada de ferries pouco freqüentes e pelo zurrar dos asnos, que são o modo da ilha de transporte. A ilha é um lugar simples e básico, com um ambiente absolutamente único e menos de 100 habitantes. Ela tem um charme robusto e seu isolamento atrai um determinado tipo de visitante: aventureiros, artistas, escritores e solitários à procura de um pouco de paz para refletir ou para trabalhar.

Alicudi é um grande cone vulcânico saindo do mar, um vulcão agora extinto coberto de vegetação. Veredas sobem acentuadamente a partir do pequeno porto, passando por terraços cultivados e baixas habitações. A ilha costumava ser chamada Ericusa pela urze (Erica) que cresce ao longo das encostas. As moradias em Alicudi, algumas bem conservadas e outras abandonadas, estão espalhadas por todo o lado leste da ilha; as encostas ocidentais são íngremes e inacessíveis.

Há serviços de ferry regulares para Alicudi a partir das outras ilhas Eólias, da Sicília e da Itália continental.