Huelva - Santa Cruz de Tenerife é uma de nossas rotas mais procuradas - as travessias se esgotam frequentemente durante os períodos de maior movimento.
Dica:Não deixe para depois! Reserve agora para assegurar seu horário de saída

Por que usar
Direct Ferries?

Ferries de 3325 rotas e 764 portos no mundo todo

Mais de 2,5 de clientes confiam em nós

Nós organizamos mais de 1,2 milhões de travessias por ano

Nós verificamos até 1 milhões preços para nossos clientes todos os dias

Alternativas de ferry Huelva a Santa Cruz de Tenerife

Para maiores informações, por favor, visite nossa página Ferries de Espanha para Tenerife.

Operadoras de Ferry Huelva - Santa Cruz de Tenerife

    • 2 Travessias por semana 36 hr
    • Obter preço
    • 1 Travessia por semana 37 hr 20 min
    • Obter preço

Guia Huelva

A cidade de Huelva está localizada no sudoeste de Espanha e é a capital da província de Huelva, na região autónoma da Andaluzia. A cidade fica no Golfo de Cadiz, na confluência dos rios Odiel e Tinto. A cidade pode traçar a sua história a 3.000 aC. Muitos vestígios romanos foram encontrados na cidade e servem de prova da fonte que existia na cidade. Há muitas coisas para ver e fazer na cidade e arredores, incluindo vários locais com ligações com Cristóvão Colombo. Estes locais incluem a cidade em si, Moguer, Palos de la Frontera e o Mosteiro Rábida. Atrações culturais de Huelva também incluem sua arquitetura barroca na área do Condado. Um dos destaques de seu calendário de festividades é a peregrinação de El Rocío, declarada de Interesse Turístico Internacional.

O porto de ferry de Huelva está localizado no Porto Exterior e é acessível através de um serviço de ônibus gratuito que leva os viajantes a partir do porto ao centro da cidade de Huelva na chegada e do centro da cidade até o porto para as partidas.


Guia Santa Cruz de Tenerife

Santa Cruz de Tenerife é uma bela cidade portuária situada na ilha de Tenerife, a maior das ilhas ocidentais do arquipélago das Ilhas Canárias. Em torno do seu porto importante estão amplas avenidas, praças e áreas verdes exóticas, que também inclui alguns belos exemplos da arquitetura modernista. A história da cidade remonta a pouco mais de 400 anos. Apesar de Alonso Fernández de Lugo ter desembarcado no litoral em 1494, a cidade não começou a se desenvolver até um século mais tarde, com o seu porto como motor de crescimento que tornou a cidade a segunda mais populosa do arquipélago das Canárias. No centro da cidade, perto do mar, estão várias das mais movimentadas ruas e praças da capital, como a Plaza de la Candelaria. Localizado no site da antiga fortaleza de San Cristóbal, seu centro é presidido pelo monumento ao triunfo da Candelaria, uma escultura de estilo neoclássico em mármore de Carrara e atribuído ao italiano Pasquale Bocciardo.

A partir do porto da cidade existem serviços de ferry que partem para a Espanha continental e para as outras Ilhas Canárias.