Zakynthos - Brindisi é uma de nossas rotas mais procuradas - as travessias se esgotam frequentemente durante os períodos de maior movimento.
Dica:Não deixe para depois! Reserve agora para assegurar seu horário de saída

Por que usar
Direct Ferries?

Ferries de 3325 rotas e 764 portos no mundo todo

Mais de 2,5 de clientes confiam em nós

Nós organizamos mais de 1,2 milhões de travessias por ano

Nós verificamos até 1 milhões preços para nossos clientes todos os dias

Para maiores informações, por favor, visite nossa página Ferries de Zaquintos para Itália.

Operadoras de Ferry Zakynthos - Brindisi

    • 1 Travessia por semana 20 hr
    • Get Price

Guia Zakynthos

Zakynthos, às vezes chamada de Zante, é uma ilha grega localizada no Mar Jônico e a terceira maior das ilhas jônicas. A ilha está a de cerca de 20 km a oeste da Grécia continental e cerca de 15 km ao sul da ilha de Kefalonia. O marco mais famoso da ilha é a praia Navagio. É uma enseada na costa sudoeste, isolada por altas falésias e acessível somente por barco ou pára-quedas. A praia e o piso do mar são feitos de seixos brancos e cercados por águas azul-turquesa. A área de cume de Anafonitria tem um pequeno deck de observação com vista para a praia e há um mosteiro nas proximidades. Os visuais únicos e deslumbrantes do local são um dos favoritos para os 'BASE jumpers', e a cada ano um grande evento é realizado em Navagio, por volta do final de agosto.

Zakynthos tem dois portos. O porto principal está localizado na cidade de Zakynthos com o outro na vila de Agios Nikolaos. A partir do porto principal há uma ligação com o porto de Kyllini, que é a rota habitual para as chegadas à ilha por mar a partir do continente. Do porto de Agios Nikolaos há uma conexão com o porto de Pesada, na ilha de Kefalonia.


Guia Brindisi

A cidade portuária italiana de Brindisi situa-se na costa do Adriático, na região de Apulia do país. Como muitas das outras cidades na costa adriática da Puglia, a história de Brindisi está indissociavelmente ligada às terras que se encontram do outro lado do mar a leste. Graças ao seu grande porto natural, a cidade sempre foi, e continua a ser, um dos mais importantes portos da Itália. Hoje é o grande ponto de partida para ferries em direção à Grécia e aos Balcãs, mas durante as épocas grega e em particular a romana e na Idade Média, serviu para muitos outros fins. Há muitas coisas para ver e fazer na cidade, incluindo o Castello Svevo e o Castelo Aragonês. O primeiro foi construído pelo imperador Frederico II e tem um plano trapezoidal com enormes torres quadradas. O último foi construído pelo rei Fernando I de Nápoles, no final do século 15, na ilha de S. Andrea, que está de frente para o porto da cidade.

A partir do porto da cidade ferries operam para destinos como Paxi, Corfu, Igoumenitsa, Zakynthos e Patras.